Vida no campo…

Em Agosto aconteceu a acção – Defender o Sagrado; Não ao Furo, Sim ao Futuro! – onde foram ritualizados o Fogo e a Água como elementos sagrados da Vida! (em Odeceixe)

Qual a importância do Fogo?

Qual a importância da Água?

O que estão a manifestar: o Fogo quando se transforma em incêndios sem controlo; e a Água quando é ora escassa ora excessiva???

Qual é o ensinamento que ainda não estamos a perceber e o é que podemos alterar? ? ?

Somos também vitímas dos incêncios e da seca. Queremos resgatar a dimensão divina, onde o elementar é sagrado!!!

O que vivêncio na ruralidade é a destruição dos ecossitemas para a implementação de sistemas agroindustriais ou turismo-industriais. Onde se respeitam os diferentes elementos e seres – há ainda vida em harmonia, em paz?

O ecosisstema Mediterânico tem fauna e flora características, tradição de cultivo e de pastoreio… onde a Água e o Fogo desempenham papeis principais … Mas o Ser Humano tem vindo a domesticar tudo com o foco na produção e perdeu-se o fio da meada! Virou uma luta: a luta pelo controle da água e a luta pelo controle do fogo!

Peço solidariedade entre os Povos, os Elementos, todos os Seres: Todos queremos estar bem!!!

A Água há de sempre ir pelo caminho mais fácil…

Em Outubro de 2016, a Caminhada pela Água, pela Bacia Hidrofgráfica do Rio Sado – entre Colos e Alcácer – foi uma grande inspiração e também uma constatação do que está a acontecer nesta paisagem! Caminhámos e falámos com pessoas ligadas ao sistema de abastecimento de água das aldeias e vilas… habitantes e reponsáveis. É impressionante a falta de conhecimento sobre o caminho que faz a água até chegar à torneira lá de casa. . . mas também é impressionante ver a naturalidade dizendo de terem secado já 11 dos poços de água que abasteciam Relíquias, que no Verão a Vila é abastecida por camiões com cisternas de água da barragem da Rocha… Como será o Futuro desta Vila? Quais as soluções que estão a ser equacionadas???

Qual o impacto que estas paisagens Dantescas do Regadio Alentejano onde se vê uma Árvore, com sorte, a cada 700 mts, onde o solo escalda durante o Verão e é lavrado todos os anos…. para um sobre-pastoreio… para uma agricultura intensiva. Porque será que chove menos???

O Clima não é algo aleatório!!! É uma série de circunstâncias ligadas a temperatura – pressão – humidade que se desenvolvem de acordo com a paisagem. Hectares e hectares praticamente sem vegetação faz com que a humidade relativa seja baixa (menos pressão hidrica/menos chuva) e quando chove ocorre a lixiviação/escorrẽncias… não se infiltra porque o solo não tem estrutura, não tem raizes… assim não alimenta o solo! Há excesso de lavra com grandes tractores, há excesso de animais… as monoculturas estão cá para servirem a agroindustria…. Assim Não Há Vida Neste Solo!

Mas estes grandis agriculoris/pessoas querem estar bem e também elas são vitimas da seca e dos incêndios. Também são vitimas desta luta que criam por um modo de produção standardizado e subsidiado por um Estado, por uma Comunidade, cujo foco é a produção/ o crescimento económico e não a regeneração/ o bem comum. Possa a regeneração acontecer nelas, nas suas ideias…

A solidariedade é também para com estas pessoas que vivem esta ruralidade ditada pelas regras da produção e do capitalismo. Sei das dificuldades e medos que surgem quando vivemos na terra, da terra e que muitas vezes nos falta a coragem/visão para viver com a Terra!

Da Calma vem a Força…

Existe o conceito de Plantar Água! Com valas de retenção: rentendo a água na vala vai alimentando as árvores, arbustos, etc, plantados no combro, que vão povoando de sombras o solo. A este conceito se tivermos o cuidado de diversificar: plantas perenes, flora comestível, folhas caducas…pode-se simplóriamente explicando, chamar AgroFloresta.

Realço que um acto de solidariedade pretende-se pacífico, em harmonia e deve respeitar os ciclos naturais da vida-morte-vida.

Que a Regeneração aconteça! Manifeste-se na erva que nasce da humidade, na ideia que surge de uma perda, no pássaro que semeia do que comeu…

Viva a Todas as Pessoas que vivem no campo… possamos todos

inspirar e expirar actos de viver com a Terra… por forma a facilitar

a vida de estas e ainda mais pessoas no campo, em Harmonia, em Paz…

EM SOLIDARIEDADE!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s